As cartas de Elise


    

     (Foto colhida na Web.)

     vai, então!! mas é que dói... fere, machuca, dilacera, rasga, arranha. mortifica. deixa um vácuo inenarrável entre meus seios e braços, deixa um vazio inexplicável entre meus lábios e pernas, deixa uma vaga inconcebível entre minha morte e vida, deixa a marca indelével do nada, carimbada no meu eco. esfarela, parte, corta, fraciona. abre a pele num cortante vermelho. e sangra. mas aí... aí você vem, e o que era berro, sussurra, o que era grito, alenta, o que era bramido, aquenta. e eu me fragmento em pedaços tão seus... e me deixo ficar na tua pele, e te deixo sentir meu perfume, e te deixo sorver meu desejo, e me deixo estar nua, e tua. e aí... aí o que era choro e lágrima escorre do seu corpo e penetra em meu clamor como um bálsamo, um elixir. para sempre você, dentro de mim, e já não há mais dolorimento. nem cicatriz. porque não há nada mais calmante que o teu ir e vir, em mim, e não há nada mais abrandante que o meu venho e vou, em ti, e não há sangue que se destile mais que os nossos suores e sucos e salivas. porque não há dor maior que supere a tua grandeza, aqui; não há estigma algum que se sobreponha a tua sublimidade, aqui; não há mágoa qualquer que não sorria com você, aqui. porque seu ardor sempre me aquietou, e seu amor sempre me calou. e aí... aí eu esvaeço. umedeço. e emudeço. enjoy my silence.



 Escrito por Elise às 01h25
[   ] [ envie esta mensagem ]





 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, Mulher, Cinema e vídeo, Livros, Fotografia, Música, Internet.
MSN - elise2004@uol.com.br
Histórico
  01/12/2013 a 31/12/2013
  01/07/2013 a 31/07/2013
  01/02/2013 a 28/02/2013
  01/06/2012 a 30/06/2012
  01/03/2012 a 31/03/2012
  01/09/2011 a 30/09/2011
  01/05/2011 a 31/05/2011
  01/09/2010 a 30/09/2010
  01/05/2010 a 31/05/2010
  01/02/2010 a 28/02/2010
  01/01/2010 a 31/01/2010
  01/11/2009 a 30/11/2009
  01/10/2009 a 31/10/2009
  01/09/2009 a 30/09/2009
  01/07/2009 a 31/07/2009
  01/06/2009 a 30/06/2009
  01/03/2009 a 31/03/2009
  01/01/2009 a 31/01/2009
  01/11/2008 a 30/11/2008
  01/10/2008 a 31/10/2008
  01/08/2008 a 31/08/2008
  01/07/2008 a 31/07/2008
  01/06/2008 a 30/06/2008
  01/03/2008 a 31/03/2008
  01/12/2007 a 31/12/2007
  01/09/2007 a 30/09/2007
  01/06/2007 a 30/06/2007
  01/11/2006 a 30/11/2006
  01/10/2006 a 31/10/2006
  01/08/2006 a 31/08/2006
  01/07/2006 a 31/07/2006
  01/06/2006 a 30/06/2006
  01/04/2006 a 30/04/2006
  01/03/2006 a 31/03/2006
  01/02/2006 a 28/02/2006
  01/01/2006 a 31/01/2006
  01/11/2005 a 30/11/2005
  01/09/2005 a 30/09/2005
  01/08/2005 a 31/08/2005
  01/07/2005 a 31/07/2005
  01/06/2005 a 30/06/2005
  01/05/2005 a 31/05/2005
  01/04/2005 a 30/04/2005
  01/03/2005 a 31/03/2005
  01/02/2005 a 28/02/2005
  01/01/2005 a 31/01/2005
  01/09/2004 a 30/09/2004
  01/08/2004 a 31/08/2004
  01/07/2004 a 31/07/2004
  01/06/2004 a 30/06/2004
  01/05/2004 a 31/05/2004


Outros sites
  A vida por diversos ângulos...
  Angel of Silence - Che Vianna
  Avesso do Avesso - vol. 2
  Blogalizando
  Casa de solteira
  Coisas do Chico
  Converse com a Cherry
  Cores Humanas
  Enquanto isso
  Eu inverso
  Feita em versos
  Identidade de um eu.
  It is all about girls... or men
  Jornal de meia-tigela
  Loba
  Meu nome é Gal!
  Minhas entrelinhas
  Mulher de mau humor
  Nada é por acaso
  No meio das águas
  Nonato - Poesia e jornalismo
  O canto mais escuro e sem sentido
  O fio das palavras
  Palimpnóia
  Poesia & Cia
  Oceanos e desertos
  Ponto Gê
  Poros e Cendais
  Sem pé nem cabeça
  Primeira Viagem
  Sombras e Sonhos
  Sombras e Sonhos 2
  Turn chaos into art
  Verso & prosa encadeados
  Voando pelo céu da boca
Votação
  Dê uma nota para meu blog